História


Domingos Antônio Teco foi o criador da nossa associação em 11/01/1961 e do nosso Sindicato em 27/07/1963. Apesar de ser cassado e preso durante a revolução de 1964, Teco fez história no Sindicato, sempre reivindicando melhores benefícios e condições aos trabalhadores. Após deixar a presidência, ele ainda atuou como tesoureiro durante quatro anos (1987 a 1991), até se desligar completamente da entidade. Em seus 24 anos de mandato, Teco deixou a sua marca luta e muitas vitórias aos plásticos, químicos e farmacêuticos de Rio Claro e região. Entre 1982 e 1987, o STI de Rio Claro desenvolveu suas atividades numa sala alugada na sede do Sindicato da Alimentação e afins de Rio Claro. Nestes cinco anos, as duas entidades compartilharam articulações, informações, atividades e muita experiência. Estes anos renderam muita afinidade e amizade entre os membros das suas entidades. Esta parceria permanece ainda hoje e contribui para o crescimento e destaque dos trabalhos realizados pelo STI de Rio Claro.

Em 1987 assume o então presidente, Djalma de Paula. A primeira conquista da gestão do presidente foi a compra de uma sede própria para a entidade, neste mesmo ano. A casa adquirida foi ampliada e hoje possui salas amplas e bem distribuídas aos departamentos, inclusive consultório odontológico para os trabalhadores associados, além de contar com um auditório que comporta 180 pessoas. Com o nosso empenho e determinação derrubamos mais barreiras e vencemos mais uma batalha, a construção da nossa Colônia de férias. Nos sentimos honrados e realizados com mais essa vitória! Crises e problemas econômicos sempre vão existir, mais o que interessa é a luta pelo trabalhador.

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Material Plástico, Químicas e Farmacêuticas de Rio Claro e Região é uma entidade que se destaca pelas suas realizações, caracterizada pelo seu compromisso, seriedade e luta em benefício dos trabalhadores. A representatividade do Sindicato é reforçada pelos diversos trabalhos desenvolvidos nas área jurídica, saúde, meio-ambiente, cursos de qualificação e requalificação, inclusive questões raciais. Como os setores químicos são de risco, a preocupação da entidade com a saúde do trabalhador é evidente. Todas as conquistas firmam o desafio e o respeito do Sindicato de Rio Claro, ao longo de mais de 40 anos, diante das responsabilidades do movimento sindical.
  • 11/01/1961

    Criação da associação
  • 27/07/1963

    Criação do Sindicato
  • 1963/1987

    Presidência de Domingos Antônio TECO
  • 1982-1987

    Atendimento em sala compartilhada
  • 1987

    Djalma de Paula assume a presidência
    Compra de sede própria
  • 2015

    Francisco C. Quintino da Silva assume a presidência